Paisagismo Urbano – Eis o futuro da arquitetura?
P

Paisagismo Urbano – Eis o futuro da arquitetura?

O que é paisagismo urbano e por que esse é o futuro da arquitetura?

A paisagem urbana está intrinsecamente relacionada à qualidade de vida da população.

Desde que o êxodo rural começou, com a população saindo do campo para habitar em áreas urbanas, foi preciso reorganizar e replanejar as cidades para comportar o grande número de habitantes.

Atualmente, na conturbada e problemática vida nas cidades, o paisagismo urbano pode ser a melhor solução.

Imagem: arcoweb.com.br

O que é o paisagismo urbano?

O paisagismo urbano tem como objeto os espaços abertos, as áreas livres e de circulação, recreação, amenização, etc.

A sua função é oferecer espaços para lazer, recreação, realização de eventos de integração da sociedade.

Imagem: areasverdesdascidades.com.br

O paisagismo urbano vai muito além de deixar a cidade bonita.

Ele deve contribuir para fazê-la funcional e para a solução dos problemas urbanos.

Em tempos em que o estresse é parte da vida nas cidades, o maior contato com a natureza pode ser uma fuga para reduzir a pressão e promover alívio.

Nesse sentido, os sistemas ecológicos podem oferecer vários serviços para a área urbana, como a melhoria do microclima, a melhor infiltração de águas pluviais, a redução das poluições sonora e do ar, etc.

As cores, formas e texturas influenciam e permitem a conexão humano-natureza.

Tanto que muitas pessoas buscam a prática de caminhadas, yôga, meditação, e outras atividades em contato com a natureza. Isso ressalta ainda mais a necessidade de inserir o paisagismo no planejamento urbano.

paisagismo urbano
Imagem: areasverdesdascidades.com.br

Vale lembrar que uma tendência atual, mediante o desejo de combater os problemas urbanos, é inserir áreas verdes nas residências e edifícios, como terraços, jardins verticais e áreas de convivência com jardins.

Isso torna o ambiente agradável não só para quem vive ou trabalha ali, mas para atrair clientes.

Por que o paisagismo urbano é o futuro da arquitetura?

O meio em que vivemos é parte de nós.

Ele está agregado ao nosso cotidiano e pode influenciar nossa vida.

Por exemplo, grandes centros e hipercentros urbanos tendem a ser barulhentos, o que pode contribuir para o aumento do estresse.

A inserção de áreas verdes, parques e praças contribui para a redução dos ruídos e, por esse e outros motivos, a melhoria da qualidade de vida.

É aí que está o papel do paisagismo urbano, que precisa fazer uma ponte entre o urbano e o humano, ou seja, entre cidade e cidadão, solucionando problemas.

paisagismo urbano
Imagem: cyrela.com.br

A agregação do paisagismo à arquitetura e ao planejamento urbano é uma tendência que visa contribuir para a melhoria da qualidade de vida e da função social das cidades.

Isso permite que o homem se integre à natureza e também representa um momento em que as cidades deixam de ser planejadas para os carros e passam a ser planejadas para cidadãos.

paisagismo urbano
Imagem: pureviagem.com.br

Assim, na hora de projetar, é preciso considerar, além de faixadas e traçados bonitos, os jardins, as áreas verdes, as áreas de convívio social, parques, praças, etc.

Também é preciso promover a manutenção adequada desses ambientes, de forma que eles não se tornem um transtorno para a população.

Referências: Mac; Fragmac.

E aí, gostou do artigo?

Então compartilhe com os amigos!

Em fim, não se esqueça de me deixar saber nos comentários o que você achou do artigo.

Até a próxima dica!

►Veja mais dicas em:

Quer mais dicas então confira alguns dos nossos artigos sobre:

► Siga-nos nas redes sociais:

Além disso, confira nossas redes sociais, siga-nos em:

Gostou do post? Então acesse aqui abaixo outros assuntos que irão lhe ajudar bastante no ramo que Arquitetura e interiores:
html Copy code
Cursos de Arquitetura
Cursos de Arquiteturahttp://cursosdearquitetura.com.br
O "cursos de Arquitetura" é administrado pelo Designer Daniel Kroll e pela Arquiteta Luciana Paixão. Há mais de 15 anos, ambos atuam escrevendo sobre o ramo de design e decoração e são idealizadores do portal de cursos on-line de arquitetura A Arquiteta desde janeiro de 2013.